Izanagi (Lisboa)

Enquanto a restauração não reabre o take away vai servindo para matar saudades daquelas refeições que habitualmente só fazemos fora de casa. O sushi é daqueles pratos que nunca me aventurei a fazer em casa e por isso quando apetece a solução é recorrer a um restaurante ou, nesta fase de confinamento, a um take away de confiança como é o caso do Sushi Café.

O Sushi Café é um favorito da há muito tempo, desde que o projecto começou com apenas um restaurante no Centro Comercial Amoreiras. Quando a oferta é boa o negócio vai prosperando e hoje o Sushi Café é um grupo respeitado da restauração lisboeta, com vários espaços, desde sushi corners em centros comerciais a restaurantes mais elegantes em artérias centrais da cidade. Uma das últimas apostas do grupo foi este Izanagi, nas Docas de Santo Amaro, com vista para o Tejo e para a Ponte 25 de Abril. Além do sushi, Daniel Rente, o chef executivo do grupo Sushi Café, quis trazer a este espaço receitas clássicas da comida de rua japonesa, onde as Robatas, os grelhados japoneses, são a principal especialidade.

Por isso, a carta disponível para take away do Izanagi está centrada na oferta destes grelhados japoneses, mas sem esquecer, obviamente, o sushi. Como desta vez as saudades eram de sushi deixámos a robata para experimentar noutra ocasião. O sushi encomendado revelou-se dentro do que é habitual nos restaurantes Sushi Café, peixe muito fresco e saboroso, as peças muito bem preparadas, com simplicidade e precisão, tudo com uma relação qualidade-preço intocável. Sem molhos nem malabarismos desnecessários, é bom saber que mesmo durante a pandemia o Sushi Café continua a ser um porto seguro para este prato da culinária japonesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *